White Dwarf

Envolto em cinzas: Novo tipo de estrela descoberta Space

Envolto em cinzas: Novo tipo de estrela descoberta

A maioria das estrelas segue a seqüência principal do diagrama Hertzsprung-Russell em seu ciclo de vida. Isto porque elas fundem certos elementos em cada parte de sua vida, começando pelo hidrogênio, seguido pelo hélio. Apenas estrelas particularmente grandes ou pequenas se desviam disso, ou binários que, por exemplo, obtêm material fresco de seus vizinhos apesar de seu pequeno tamanho. Mas há desvios da regra, e muitos deles. Uma equipe de astrônomos alemães liderada por Klaus Werner da Universidade de Tübingen descobriu outra exceção. Para isso, os pesquisadores observaram de perto a luz das anãs brancas PG1654+322 e PG1528+025. Eles descobriram…
Um planeta que ultrapassou sua estrela Life

Um planeta que ultrapassou sua estrela

Localizada a 117 anos-luz da Terra, a estrela WD1054-226 é uma anã branca - o remanescente de uma estrela do tamanho de nosso Sol que chegou ao fim de sua vida. É aproximadamente do tamanho da Terra, mas tão pesada quanto o Sol. E é quente: 20.000 a 30.000 Kelvin na superfície, 20 milhões de Kelvin no interior. Os processos de fusão não ocorrem mais, mas leva cerca de 10 bilhões de anos para que se esfrie completamente - nosso sol só existe há cinco bilhões de anos. Durante este tempo, é claro, uma zona habitável pode se formar…
Supernova due to overeating Space

Supernova due to overeating

Actually, a type Ia supernova is pretty nasty. The star that will eventually perish has basically done everything right and ended its long, modest life as a white dwarf. As such, it could continue to watch its fellow stars burn up for many billions of years - longer than the universe is old - if it didn't have a younger partner that was still in the prime of its life. Because if material flows from this other star to our white dwarf, an overshooting reaction likes to happen. The (former) white dwarf can no longer cope with the inflowing…
The giant and the dwarf Astrophysics

The giant and the dwarf

Size alone is not always the most important factor. Sometimes, large things also orbit small things – because the details of a system matter. Astronomers have now found a real example for this situation in space, about 80 light-years from us, using the TESS telescope. The discovery published in Nature shows the likely presence of a planet the size of Jupiter orbiting the white dwarf, WD 1856+534, once every 34 hours. “This planet is roughly the size of Jupiter, but it also has a very short orbital period – one year on this planet is only 1.4 days long, so…